Ex Improviso

Mínimo sou, mas quando ao Nada empresto a minha elementar realidade, o Nada é só o Resto. Reinaldo Ferreira

My Photo
Name:
Location: Lisboa, Portugal

Dizem que sou como o sol mas com nuvens como na Cornualha

Monday, October 31, 2005

A Intrusa



Foto tirada por mim num dos muros de Setúbal



Era a primeira vez em dois meses que ele conseguia sentar-se no melhor lugar do miradouro da cidade, seu de há tantos anos que até já perdera a conta.

No início, quando chegou àquelas paragens, experimentou todos lugares, até que, finalmente, encontrou aquele canto soberbo, abrigado do vento e dos casalinhos que vinham para ali namorar e que só o incomodavam com risinhos idiotas.

Daquele canto via todas as ruas da cidade e todos os cantos do cais onde sempre havia grande azáfama de barcos, homens, mulheres e caixas de peixe. Porém, de há um tempo para cá, ele encontrava o seu lugar, seu de há tantos anos, ocupado por outrem.
Contrariado, sentava-se noutro lugar e, de vez em quando, com os seus olhos verdes, olhava aquele ser de lado, com um misto de curiosidade e de rancor, tentando perceber quem, e porque, lhe roubava o lugar, seu de há tantos anos.
Também ela se esquivava ao contacto com os outros. Solitária, triste, distraía o seu olhar pelo cais, ao fundo. Também ela parecia nova por aquelas bandas, tal como ele fora um dia.

Farto do seu meio pequeno, infestado por tantos iguais a ele, procurou novos rumos, até que, parou por ali, onde não conhecia ninguém e nem queria conhecer. Só o miradouro e o cais lhe bastavam para encher-lhe a alma e os dias.

Estava assim absorto nos seus pensamentos a olhar para o vazio, quando sentiu uma presença ao seu lado a exigir-lhe um lugar que era julgava seu. Assustou-se! Os seus olhos verdes enfrentaram outros olhos verdes. Encurvou o lombo e o seu pêlo eriçou-se e, disposto a lutar por aquilo que era seu, respondeu-lhe:


- Miau!



da Leonor
(

Pois é! De vez em quando quando não é a imaginação que falta para escrever é o tempo que não chega. E então lá vamos nós à gaveta... e descobri este texto singelo, naif... ora Leonoreta, põe esse mesmo)

38 Comments:

Anonymous Anonymous said...

Olá, Leonor!
Todos nós temos o nosso próprio lugar...e claro que, muitas vezes não gostamos que ele seja usurpado por outros. Mas noutra perpesctiva, é uma boa forma de dar valor ao lugar que temos e que desvalorizamos frequentemente sem dar por isso!
Beijinhos,

10:36 PM  
Blogger Al said...

E não é que a Leonoretta tinha razão quando te disse para postares este texto.

Passava em tempos uma publicidade de desodorisante nas televisões do Brasil (onde se diz desodorante) que dizia: Há sempre lugar para mais um.

Leomoretta, por ter de ficar ausente durante um tempinho (largas semanas) passei para te deixar um beijo... e um até breve.
Quando regressar lerei tudo o que deixarei de ler.
Beijo

11:30 PM  
Blogger Al said...

E esse sorriso arrasou!

11:31 PM  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Leonor
E também fugidia... essa falta de tempo sente-se...
O que é singelo não é necessariamente simples.
Um beijo
Daniel

10:09 AM  
Anonymous Anonymous said...

Querida Bela Leonoretta,
rssss, estou a rir-me da "coincidencia" deste texto com o sorriso da tua nova fotografia. Antes de chegar ao gato rssss.... já me ía rindo rsss. Conheço esse gato e a gatinha tambèm rssss. E gosto muito deles rssss.
Adorei.

Beijinhossssssssss
Ana Joana
eheheh

10:46 AM  
Anonymous JMC said...

É um texto simples, até naif como diz, mas no entanto não deixa de abordar um tema como o da solidão, que hoje não é apenas um problema só dos idosos, mas está a evoluir para num futuro proximo vir a ser um problema social.
Penso que o facto de ser solitário(a), terá a ver com a quebra de confiança que temos nos outros, saídas de relações de forma atribulada que nos podem fazer ter esse tipo de comportamento, instabilidade emosional, exclusão social, falta de querer, desmoralização, enfim um baixar dos braços um não ha nada a fazer, Etc Etc...
Gostei muito da mensagem que este texto nos dá.
JMC

11:24 AM  
Anonymous batista filho said...

Pôxa: o danado do texto tá é soberbo, menina! Bom mesmo. Parabéns... se encontrares outros pelas gavetas...

12:28 PM  
Blogger Betty Branco Martins said...

Pois muito bem pensado minha querida
em partilhares esta "singela" história pois a grandeza das coisas, se vê na simplicidade.

Beijinhos

12:56 PM  
Blogger Furão said...

Um passeio pelas palavras que nos conduz a um final de que não se suspeita no início. Só este facto já seria um ingrediente suficiente para deitar por terra a auto-crítica que lhe chamou "naif".
Mas há mais neste texto. Há muito de nós todos, um bocadinho de cada um de nós.

Miau! E pronto!


Bjs

2:54 PM  
Blogger Betty Branco Martins said...

Querida Leonor

Esqueci de referir a foto, que é tirada de um muro, ou seja está pintada! uma falha grave da minha parte.

Está linda! foi uma ideia brilhante a tua.

Beijinhos

2:59 PM  
Blogger Leonoretta said...

para Ana Joana

achei engraçado a associação que fizeste dos gatos do texto, principalmente conhecendo-os, rs

mas, por incrivel que pareça escrevi o texto há uns anos por dever, porque a cadeira exigia uma prova de imaginaçao e de escrita.



para o JMC

ola. obrigado por mais um comentario que agradou imenso. de facto a solidão e tudo o que ela abranje parece afastar-nos dos outros em vez de nos aproximar.


abraço da leonoreta

4:06 PM  
Blogger augustoM said...

Olá Leonor, naif ? mas pouco. Se nós gostamos do nosso espaço, porquê os animais também devem ter as preferências? Agora vou comentar o post anterior de que gostei muito.
O patamar supremo da automatização é conseguir que uma máquina seja auto suficiente ao ponto de substituir o homem no raciocínio, por se julgar que ela nunca cometeria os erros inerentes aos humanos.
Esta balela de ciência ficcionada, como projecto ambicionado, não é um desejo tão ilógico como parece, olhando às possibilidades que daí adviriam.
Suponhamos que o projecto é exequível, que tipo de raciocínio diferente do nosso poderia ser apresentado por uma máquina, fora do âmbito do mundo sensitivo?
Isto dava um óptimo livro de ficção, em que as máquias fariam descobertas e obteriam respostas em relação a tudo que está vedado aos seres humanos.
Ainda bem que elas não passam de macacos de imitação do homem, nunca se sabe o que poderia acontecer se soubessem mais que o seu criador.
Um beijo. Augusto

5:22 PM  
Blogger SaltaPocinhas said...

miauuuuuuu
de uma adoradora de gatos, mas que não os pode ter porque mora numa "rua assassina" e não tem coragem de ter gatos presos!

6:23 PM  
Anonymous mar said...

E fez a Leonoretta muito bem, pq por vezes as coisas mais simples, são as mais belas...... Beijo e bom resto de semana

7:37 PM  
Blogger Alexandre Sousa said...

Um texto de uma ternura fascinante, que infelizmente, jazia numa gaveta. Bem que ele merecia há muito tempo conhecer a luz do dia, para nosso prazer.

9:20 PM  
Blogger M.P. said...

Olá!! Há alturas em que a imaginação falta, outras em que op tempo é o que falta mesmo! Fizeste bem em ir buscar esse texto que tinhas para aí escondido! :)**

11:09 PM  
Blogger Henrique Santos said...

Miau, miau...
Quantos de nós buscaram um cabntinho e nunca o tiveram? Esta lição é um texto lindo, ou se se quizer, este texto é uma lição. Uma vez mais...
Bjinho Ricky

11:15 PM  
Blogger Apenas, o cidadão said...

Cara Leonor,

quando puder traga mais da sua gaveta, por favor.

haverá sempre espaços em que não cabe mais ninguem? sera que é aí que reside o nosso EU?

11:26 PM  
Blogger António said...

Antes do mais peço que me traduzas este comentário que me deixaste lá, no post da parte IV:
"Ah! Muito bem! No meio da media res a analepse. Muito bem metida aliás...".
(desculpa a ignorância do macaco...eh eh)

Em segundo, quero parabenizar-te
(Meu Deus! Inventam cada palavra mais estapafúrdia! Eu usei-a aqui de propósito para referir como acho feios alguns neologismos)
por este texto curto, mas muito terno e criativo. E não tão simples como possa parecer à primeira vista.
Não interessa quando foi escrito porque é intemporal.

Ah...uma nota para essa foto em que estás muito bonita, como sempre.

Beijinhos

8:59 AM  
Blogger Caracolinha said...

Olá minha querida ... mais um lindo texto repleto de emoção e descrições feitas como só tu sabes.

Beijoquinha encaracolada para ti minha linda ;)

12:36 PM  
Blogger António said...

Agora venho aqui só para te agradecer a visita ao meu blog e os "comments".
E não batas no Paulinho, tá?
Jinhos

1:04 PM  
Blogger Roberto Iza Valdes said...

This comment has been removed by a blog administrator.

3:27 PM  
Blogger Betty Branco Martins said...

Olha o António a pensar que és só tu que queres bater no Paulinho!:)

Querida Leonor

Vim corrigir outra falha minha (isto está mal) a tua foto! Estás linda! linda estás em todas, mas esta... gosto muito!

Beijinhos

3:30 PM  
Blogger Leonor C.(nokinhas) said...

À segunda vez consegui ver a foto da bicharoca... Continua a procurar nas gavetas que é o que eu faço. De vez em quando tenho uma surpresa!

Beijinhos

8:52 PM  
Blogger th said...

As coisas lindas que vcs teem nas gavetas...nos porões, nos baús...eu só tenho roupas velhas para deitar para o lixo...lol beijo, th

11:51 PM  
Blogger almaqueabsorveaslagrimas said...

Olá minha querida Leonor :D

Gostei do que li. E acho que não tem mal nenhum ir à gaveta limpar um pouco o pó que se cria e ler o que ja se escreveu. Sabe-nos sempre de forma diferente n é? :)

Beijinho no coração e continuaçao de uma boa semana para ti -*****

2:55 AM  
Blogger Nilson Barcelli said...

Não concordo que seja naif.
O teu texto pode levantar inúmeras questões, desde a solidão`à competição, etc.
E é bem escrito.
Beijinhos.

1:22 PM  
Blogger Mocho Falante said...

olha e ainda bem que foste à gaveta porque o texto está muito bonito mesmo

Miau para ti tb

6:37 PM  
Blogger saisminerais said...

ola leonor bela foto do gato, sabendo qu foi na minha terra... ainda melhor... passei aqui para deixar um beijinho,

8:16 PM  
Anonymous Colibri said...

Sim, Leonor, simples texto... mas não serão os simples textos os mais belos? não serão os naifs textos os que mais nos tocam?

Miau!

9:41 PM  
Blogger António said...

A senhora professora explicou tudo muito bem (ou não fosse uma distinta docente).
O aluno percebeu tudo porque é um atento e aplicado discente.
ah ah ah

Beijinhos

10:37 PM  
Blogger Miguel Sousa said...

singelo, naife mas muito bonito...bravo

10:37 PM  
Blogger AS said...

Querida Leonor, a beleza está na simplicidade! Sempre!!! e afinal o teu texto á lindo...

Como dizia F. Pessoa:

(***)

Da Perfeição segui em vã conquista
Mas vi dpressa, já sem a alma acesa
Que a própria ideia em nós dessa beleza
A um infinito de nós mesmo dista

Nem à nossa alma definir podemos
A Perfeição em cuja estrada a vida,
Achando-a intérmina, a chorar perdemos

O mar tem fim, o céu talvez o tenha.
Mas a ânsia de Cousa indefinida
Que o seu indefinida faz tamanha


Um abraço grande

11:58 PM  
Blogger Isabel-F. said...

Menina fugida...

passei para te desejar um bom fim de semana...

faz uma boa viagem...

beijokita

12:37 PM  
Anonymous Menina_marota said...

Um texto que reflecte um tema, que eu muito bem conheço: a solidão.

A solidão em toda a sua forma, mas que nos faz ganhar raízes de momentos e lugares que queremos para nós...e, que tantas vezes ora nos afata, ora nos junta a quem nos cerca...

Espero que tenhas conseguido amansar o pelo do "miau"...

Um abraço terno e boa semana :)

10:36 PM  
Anonymous Anonymous said...

Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. Pictures of kissing lesbians http://www.pamela-anderson-6.info/polish_girl_model.html Dodge dakota buy xenical contact lens Discovery ii land rover series Mortgage insurance information uk volvo truck dealers Taxi test preparation in new york city Acuvue contact disposable lens two Celexa cheap order prescription Michigan mohawk tattoo removal Amex merchant account canada truck modification center volvo Wheel chair mobility a used volvo c70 convertible

11:02 AM  
Anonymous Anonymous said...

Looking for information and found it at this great site... » » »

3:18 PM  
Anonymous Anonymous said...

Where did you find it? Interesting read Specialty flat washers Paxil dvds vardenafil hydrochloride order on line brazilian bikinis midi stationery http://www.bigcockmovies.info/Horny-bikinis.html ambien and suicide with ambien celexa drug interaction Idl cholesterol http://www.incorporatingcompanyunitedkingdom.info/Uses-for-celexa.html effects of vitamin b12 deficiency Pregnant t shirt Wilcox cabinets Sunscreeninformer sunscreen cancer skin sun spf protection http://www.angel-fragrance.info/barcode-scanner-vbnet-usb.html Effexor and breastfeeding

6:34 PM  

Post a Comment

<< Home